Sobre o livro

"Chefinho na Cozinha"

Esta é a história de Betinho que, como todo garoto de sua idade, é vidrado em video games, em guloseimas e em sanduíches.
Certo dia, se depara com uma enorme chance de ter um incrível e moderno video game só para ele. Para isso irá enfrentar desafios, encarar novidades e provocar verdadeiras mudanças em seus hábitos e de toda a sua família.
Ao lado dos amigos Mário e Bia, o garoto descobre os valores da amizade, da gratidão, da honestidade e da perseverança. E, guiado pelos conhecimentos de seus antepassados, conquista importantes sonhos.
— Editora Evoluir

autoras

ilustradoras

Monica-MArtinez.png

Monica Martinez, jornalista, é doutora em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes de São Paulo. Trabalha como docente no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura da Uniso, onde ensina os alunos a pesquisar.

Adora fazer haicais, cozinhar, escrever livros, artigos acadêmicos e histórias infantis, como esta aqui. Para o público infantojuvenil, já escreveu Martin Luther King (Salesiana, 2007) e Gandhi (Salesiana, 2005). Para os maiores, o romance Professor de Ilusões (Rocco, 2012), entre outros. É mãe de Laura Louise, sua maior criação.

Silvia-Jeha.png

Silvia Jeha, nutricionista, herborista e especialista no cultivo de ervas medicinais e aromáticas. Formada na Universidade São Camilo com lato sensu na unitau – Universidade de Taubaté, é proprietária do viveiro “Sabor de Fazenda”, localizado na Zona Norte de São Paulo, onde são produzidas de maneira artesanal mais de 100 espécies de ervas orgânicas. 

É uma das idealizadoras do Projeto Dedinho Verde, que há mais de 19 anos ensina crianças das redes pública e privada a plantar e preservar o verde nas grandes cidades. É mãe de Luisa e Isabel.

Marcella-Tamayo.png

Marcella Tamayo, ilustradora, é formada em Design Gráfico pelo Centro Universitário Senac–sp.

Passa o dia inteiro desenhando e dedica seu tempo livre às suas coisas favoritas: desenhar mais um pouco, tocar piano, ouvir histórias, desbravar a natureza, brincar com cachorros e à sensação de mistério que existe na vida.

Escreve com a mesma vontade que desenha e é co-autora de Clareada (Atelier Piratininga, 2011) e da série de animação Anna Bee (mtv, 2011).

Lu-Mori.png

Luciane Mori, artista visual e ilustradora científica, formou-se na Universidade Estadual de Londrina. As suas ilustrações compõem principalmente obras didáticas de ciências naturais destinadas ao Programa Nacional do Livro Didático.

Em 2014 a artista misturou suas técnicas e sua paixão pela etnobotânica e criou a iniciativa autoral “Diário de Estudos Botânicos”, na qual mapeou plantas que encontrou nas redondezas do seu ateliê, em Florianópolis, e ilustrou uma planta por dia durante seis meses.